Friday, November 18, 2005

O Período Pré-Colonial: Captanias



Quando Portugal colonizou o Brasil,não possuiam dinheiro e nem meios de administrar-lo,então implantaram o sistema de CAPTANIAS HEREDITARIAS dividindo o Brasil em 15 lotes,14 captanias entre 12 fidalgos,aqui chamados de DONATARIOS. Os donatarios podiam doar seus lotes de terras para outros,que poderiam plantar o que quizessem nessas terras,essa pratica se chamava:DOAR SESMARIAS.Apenas pelo documento Foral,que ditava a regra de caso fosse encontrado riquesas como ouro,nessas terras,elas pertenceriam a Portugal e não ao donatario. As captanias ajudaram na colonização do país,mas não obtiveram todo o resultado esperado,por motivos como: *Os fidalgos não possuiam recurços *Portugal ficava muito afastada *As captanias eram enormes *Os indios estavam se rebelando *Era dificil explorar as terras já que era tudo mata fechada. E além dessas crises ainda havia a constante ameaça de invasão.Com isso Portugal criou um governo para supervisionar o Brasil,O GOVERNADOR GERAL e mais 3 homens: *Capitão-mor:responsavel pela defesa e guarda do país. *Provedor-mor:responsavel pela cobrança de impostos. * Os três primeiros governadores gerais foram: *Tomé De Souza *Duarte Da Costa *Mem De Sá O senhor do engenho exercia uma função patriarcal ,seu poder abrangia toda a extenção da fazenda.

O Período Pré-Colonial: A fazenda de engenho


O brasil tinha o sistema colônial com monopolio,isso é,apenas Portugal poderia comprar ou vender protudos para a colônia. Como a produção de açucar era um investimento caro e Portugal não tinha dinheiro então fizeram um acordo com os holandeses de modo que eles investissem nos engenhos e refinassem o açucar produzido pra depois ser distribuido na Europa. Então os colônos produziam esse açucar e os portugueses os vendiam pra a Holanda. Dentro desse csistema colônial a industria era proibida pra não causar concorrencia com Portugal. O engenho não se limitava no locas onde se moia a cana e sim em uma grande estrutura,uma fazenda, onde tinha: A area de plantio da cana de açucar,que ocupava a maior parte das terras;uma floresta;a senzala,onde os negros dormiam;a casa grande,onde morava o dono do engenho,ela ficava perto da senzala para o caso de emergencias;alguns casebres dos trabalhadores assalariados;uma plantação de subsistencia;um rio e o engenho. Normalmente os escravos eram os trabalhadores da fazenda,(nessa época com a nessecidade da mão de obra,começou também o trafego de negros.)mas também alguns trabalhadores assalariados(capatazes de confiança do senhor do engenho)e ainda o trabalho animal ,feito por bois. As principais caracteristicas da fazenda eram: Exploração de latifundios Escravos Monocultura Chamadas de PLANTATION.

O Período Pré-Colonial: Sistema colonial


Quando o Brasil foi descoberto,o interesse lucrativo era todo voltado pra o comercio;um país era rico apartir da sua quantidade de ouro e prata. Os portugueses ao contrario dos espanhois,a principio não tiveram nenhum interesse no Brasil e assim o país ficou abandonado por um longo periodo.Portugal apenas mandava expedições para garantir a guarda do país e para reconhecimento do litoral e procura por vestigios de ouro. Assim foi durante 30 anunico produto brasileiro aproveitado foi o Pau-Brasil. Com a extração da madeira do Pau Brasil,foi iniciado o trabalho indigena,o escambo,onde os indios cortavam as arvores do Pau Brasil e levavam ate as caravelas,em troca de objetos sem lavor como pentes e espelhos.Nesse periodo não ouve matança e nem interferencia na cultura indigena. Com suas expedições,Portugal começou a notar que outors países com França,rondavam o territorio brasileiro.Assim começa a ameaça de invasão,que fez Portugal instalar populações no Brasil para garantir sua posse. Em 1530 Martin Afonço De Souza tras as primeiras mudas de cana,colonizadores,cabeças de gado e funda a primeira cidade,dando inicio ao fim da colonização. Mesmo com isso França Inglaterra e Holando continuaram tentando invadir o país,a Holando chegou a se instalar no Nordeste por alguns anos. Nesse mesmo periodo o açucar era o produto mais lucrativo da Europa,por isso começam a produzir açucar no litoral nordestino,que alias apresentava otimas condições de plantio. O esquema das produções funcionava dessa forma: Portugal vendia para os colônos produtos manufaturados e escravos,e comprava materias primas como o açucar.

O Período Pré-Colonial : A fase do pau-brasil

expressão " descobrimento " do Brasil está carregada de eurocentrismo, além de desconsiderar a existência dos índios em nosso país antes da chegada dos portugueses. Portanto, optamos pelo termo "chegada" dos portugueses ao Brasil. Esta ocorreu em 22 de abril de 1500, data que inaugura a fase pré-colonial.Neste período não houve a colonização do Brasil, pois os portugueses não se fixaram na terra. Após os primeiros contatos com os indígenas, muito bem relatados na carta de Caminha, os portugueses começaram a explorar o pau-brasil da mata Atlântica.O pau-brasil tinha um grande valor no mercado europeu, pois sua seiva, de cor avermelhada, era muito utilizada para tingir tecidos. Para executar esta exploração, os portugueses utilizaram o escambo, ou seja, deram espelhos, apitos, chocalhos e outras bugigangas aos nativos em troca do trabalho (corte do pau-brasil e carregamento até as caravelas).Nestes trinta anos, o Brasil foi atacado pelos holandeses, ingleses e franceses que tinham ficado de fora do Tratado de Tordesilhas (acordo entre Portugal e Espanha que dividiu as terras recém descobertas em 1494). Os corsários ou piratas também saqueavam e contrabandeavam o pau-brasil, provocando pavor no rei de Portugal. O medo da coroa portuguesa era perder o território brasileiro para um outro país. Para tentar evitar estes ataques, Portugal organizou e enviou ao Brasil as Expedições Guarda-Costas, porém com poucos resultados.Os portugueses continuaram a exploração da madeira, construindo as feitorias no litoral que nada mais eram do que armazéns e postos de trocas com os indígenas.No ano de 1530, o rei de Portugal organiza a primeira expedição com objetivos de colonização. Esta foi comandada por Martin Afonso de Souza e tinha como objetivos : povoar o território brasileiro, expulsar os invasores e iniciar o cultivo de cana-de-açúcar no Brasil.